Pablo Neruda

"Isso é tudo. Ao longe alguém canta. Ao longe. A minha alma não se contenta com havê-la perdido. Como para chegá-la a mim o meu olhar procura-a. O meu coração procura-a, ela não está comigo.
A mesma noite que faz branquejar as mesmas árvores. Nós dois, os de então, já não somos os mesmos. Já não a amo, é verdade, mas tanto que a amei. Esta voz buscava o vento para tocar-lhe o ouvido. De outro. Será de outro. Como antes dos meus beijos. A voz, o corpo claro. Os seus olhos infinitos. Já não a amo, é verdade, mas talvez a ame ainda. É tão curto o amor, tão longo o esquecimento. Porque em noites como esta tive-a em meus braços,a minha alma não se contenta por havê-la perdido. Embora seja a última dor que ela me causa,e estes sejam os últimos versos que lhe escrevo."

terça-feira, 16 de abril de 2013

Efeito Dumbledore



Estes dias, percebi a necessidade que temos em fantasiar. Talvez, seja uma lacuna que deva ser preenchida constantemente, que nos faz suportar a mesmice dos dias.
   Atos heroicos ou surreais, tudo é possível, até as ações mais mortíferas são facilmente superadas.
   E só me dei conta disso recentemente, quando finalmente comecei a  assistir a saga do bruxinho Potter. O curioso da história, para mim, é a criatividade da autora J.K.Rowling, que mesmo passando por um momento compliciado da vida decidiu colocar no papel toda as genialidade, aquela que não se apaga nem mesmo quando passamos por grandes dificuldades, e deu início a uma nova era da literatura infantil. Ganhou diversos prêmios, foi aclamado pela crítica e público e se tornou a primeira escritora milionária iniciante no mundo, não sem antes ter sua obra recusada por inúmeras editoras.
   Esse é um grande exemplo de que passar por dificuldades é tão natural quanto manter a criança interior presente por toda a vida, e é justamente essa alma criativa e sonhadora que nos faz seguir em frente, buscando superar os desafios e resolver as situações que nos fazem mal. Adulto de verdade é assim, eternamente conectado ao mundo do tudo é possível, onde transforma sua vida pouco a pouco e encanta lentamente todos que os rodeiam.


Nenhum comentário:

Postar um comentário