Pablo Neruda

"Isso é tudo. Ao longe alguém canta. Ao longe. A minha alma não se contenta com havê-la perdido. Como para chegá-la a mim o meu olhar procura-a. O meu coração procura-a, ela não está comigo.
A mesma noite que faz branquejar as mesmas árvores. Nós dois, os de então, já não somos os mesmos. Já não a amo, é verdade, mas tanto que a amei. Esta voz buscava o vento para tocar-lhe o ouvido. De outro. Será de outro. Como antes dos meus beijos. A voz, o corpo claro. Os seus olhos infinitos. Já não a amo, é verdade, mas talvez a ame ainda. É tão curto o amor, tão longo o esquecimento. Porque em noites como esta tive-a em meus braços,a minha alma não se contenta por havê-la perdido. Embora seja a última dor que ela me causa,e estes sejam os últimos versos que lhe escrevo."

domingo, 4 de outubro de 2009

Quem conhece algum relacionamento que dure sem base favor avise-me. Não conheço nenhum e tenho certeza de que não existe. Posso apostar com você, se quiser.
Creio que a base para qualquer tipo de relação seja feita de respeito, conhecimento e dedicação.
Na escola, em casa, com a pessoa amada, com o animal de estimação, no trabalho.
Não precisamos ir muito longe, peguemos como exemplo uma relação de amizade entre duas pessoas apenas. Duas pessoas que não se respeitam, não podem ser amigas. E se essas duas pessoas não se dedicarem uma à outra? É, também não dá para manter uma amizade sem dedicação, porque a amizade vira apenas lembrança.
E quando duas pessoas não têm interesse em saber um do outro? Não vamos confundir interesse com curiosidade ou com satisfação.
Conhecer o que deixa seu amigo feliz, o que o faria sorrir pelo simples fato de citar uma palavra? O que ele mais gosta de fazer? Qual sua banda favorita? Qual o show dos seus sonhos? Qual o lugar que o deixa em paz? Qual seu maior sonho? Qual momento do dia você pode falar com esse amigo sem atrapalhar a rotina dele?
Conhecimento. O que torna possível confiar no outro e contar-lhe seus segredos. Sem entrega nenhum tipo de relação é mantida. Mergulhar de cabeça sem partir suas vértebras.
Você tem um amigo no qual não pode confiar? Não, né? Amizade é confiança. É saber que pode virar e seguir sua rotina sem que essa pessoa te apunhale pelas costas. É ter para quem contar seus probemas, suas alegrias, sem que essa pessoa use as palavras ouvidas contra você mais tarde.
Amigos são como anjos, que nos dão força para seguir em frente, mesmo que por pequenos instantes.
Compartilhar, abrir o coração, se mostrar como você realmente é, sem ter medo dessa pessoa e das reações que ela poderá ter, afinal, você a conhece e a escolheu para fazer parte so seu mundo.
Nem sempre estamos presentes, é verdade, mas que possamos transformar dias sem notícia em um olhar feliz, simplesmente ao cruzar com a pessoa amiga.
Que possamos nos lembrar dessa dessoa seja olhando uma coruja que poderia ser da sua coleção, ou elefantinho, ou um São Francisco. Seja o que for. Que essa lembrança possa ser convertida em uma ação para que vocês se reencontrem.
Se você nao pode se lembrar de mim, se não pode se fazer presente em sua vida, se não quiser conhecer a verdadeira Thais ou se não puder me respeitar, então, sinto dizer, mas você não pode se auto-denominar meu "amigo".
Dedicação, respeito e conhecimento. Destes três pilares erguemos relações duradouras e felizes. Construímos sentimentos verdadeiros. Buscamos nossa felicidade acompanhados.
Amor, carinho, harmonia, paz, felicidade e amizade.

Diga:
Eu sou sua amiga?

Nenhum comentário:

Postar um comentário